28 de fevereiro de 2018

Seleção de biquínis para todos os gostos

Por: Verônica Portugal

 

As roupas de banho evoluíram bastante ao longo das décadas para chegar ao biquíni como conhecemos hoje. Até antes do século 20, as pessoas não possuíam uma roupa feita especificamente para o banho de mar, e mostrar o corpo nesse momento de lazer era um grande tabu. Foi apenas em 1946 que o então estilista Louis Réard inventou o biquíni como ele é até hoje: dividido em duas peças. O nome foi dado em referência ao Atol de Bikini, local onde aconteciam testes de bombas atômicas no mesmo período em que o estilista criava sua peça, que seria tão bombástica e impactante quanto.

Hoje, utilizar o biquíni em público já não é mais considerado um tabu, e existem modelos de N formas: cavado, largo, tomara que caia, com alça. Em Salvador e outras capitais litorâneas, é tempo de praia o ano inteiro. Quando chegam as baixas temporadas, começam a aparecer inúmeras liquidações de biquínis em todas as lojas. Para quem deseja aproveitar esta época para garantir modelos incríveis com preços ótimos, vão aqui algumas dicas para escolher o modelo ideal, para todos os gostos, formas de uso e corpos.

 

1- Com tiras

O modelo strappy foi tendência nos últimos anos, não só em biquínis, mas também em sutiãs e regatas, e já se consolidou no mercado. Sua característica é a de contar com várias tiras a mais, tanto na parte superior quanto na inferior, o que dão um toque de sensualidade a mais, além de uma sustentação extra, principalmente para quem tem seios fartos. Não é o mais recomendado para quem pretende tomar muito sol, pois, pode não deixar uma marca tão agradável na pele.

 

 

2- Cintura alta

Os biquínis de cintura alta marcaram a década de 40 e 50 e por muitos anos foram associados às pin ups. Mas hoje em dia, não há mais tendências tão marcadas com o tempo e tudo coexiste: há espaço para as cinturas altas e baixas no gosto das mulheres. Ele é ideal para quem quer garantir uma dose extra de conforto ao se movimentar e principalmente ao tomar banho de mar sem correr o risco de a peça escorregar.

 

 

3- De crochê

O crochê é perfeito para fazer o estilo boho, com estas inspirações hippies, artesanais e folks. A técnica do crochê permite a criação de modelos de todas as formas imagináveis: cortininha, tomara que caia, com mangas… Pode não ser o melhor amigo daquelas que gostam de tomar banho de mar, pois, quando molhado, ele acaba pesando bastante. Mas para quem curte ficar na areia, é ideal e vai garantir a desejada “marquinha” de verão.

 

 

4- Com babado

No último verão, surgiram muitos modelos de biquínis que lembram blusas. E um deles, foram estes modelos mais trabalhados, com babados longos. Ele é ideal para quem deseja valorizar o volume dos seios.

 

 

5- Cortininha

O modelo de biquíni mais querido pelas brasileiras, sem dúvidas é a cortininha. Ele pode ser ajustado exatamente como uma cortina, e é ideal para quem gosta de tomar sol, pois é possível regular a área do corpo que ficará à mostra ou não, e suas tiras finas garantirão a marquinha desejada. O modelo cortininha também é ótimo para quem gosta de brincar com as amarrações e criar modelos próprios.

 

 

6- Ciganinha

O modelo de biquíni “ciganinha”, ou ombro a ombro, como o nome já diz, é este que não se sustenta próximo ao pescoço mas sim de um ombro ao outro. Este modelo foi uma febre entre as fashionistas nos últimos verões, por seguirem esta tendência de biquínis mais elaborados. Para quem busca mover-se com liberdade, ou praticar esportes na praia, não é o modelo mais indicado, pois pode limitar um pouco os movimentos. Já para quem vai apenas relaxar e curtir a praia com os amigos, este é ideal.

 

 

7- Com bojo

Depois das cortininhas, os modelos com bojo são os mais vistos nas praias brasileiras, e em especial em Salvador. Não existe biquíni mais democrático que este: para quem tem muito volume nos seios, dá apoio e sustentação e liberdade aos movimentos. Para quem tem seios pequenos, valoriza e ajuda a levantar o decote. Um modelo coringa ideal para ter na gaveta.

 

 

8- Cropped

Sem dúvida, este foi o modelo mais queridinho pelas fashionistas no último verão, e apareceu em diversas variações: com bojo, em crochê, com babados ou tiras. O modelo cropped segue a linha já citada de biquínis que lembram blusas, e é ideal para quem pretende almoçar ou fazer um passeio pela orla depois da praia: completa com uma saia soltinha ou um short de cintura alta, e pronto!

 

 

9- Com mangas

Os biquínis com mangas longas são mais usados por quem gosta de praticar esportes aquáticos como surf, stand-up paddle, kitesurf, etc., ou para quem gosta de jogar vôlei perto do mar. Sua característica valiosa é o seu fator de proteção a mais contra o sol. Também é um modelo ideal para bebês e crianças ou apenas para quem não gosta ou não pode se expor muito ao sol.

 

 

10- Tomara que caia

O tomara que caia é um queridinho das mulheres, é sexy e valoriza o colo, as famosas “saboneteiras”. Também é ótimo para quem não curte ficar com marcas de biquíni que ficarão visíveis depois. Pode ser um pouco “perigoso” para quem tem seios fartos e gosta de curtir o mar, pois fica devendo no quesito sustentação. Nesse caso, é bom investir nos modelos que tem alcinhas laterais que podem ser removidas, ou nos modelos de maiô que darão uma dose extra de sustentação.

 

Fonte das imagens: Pinterest

Buscar no blog