23 de fevereiro de 2013

Uma nostalgia romântica e sexy na Burberry

 

Uma nostalgia romântica, sensualidade e muita sofisticação marcaram o desfile da Burberry Prorsum, coleção Outono/Inverno 2013-14. Realmente um dos eventos mais esperados pelo calendário da Semana de Moda de Londres. E, como era de se esperar, a grife inglesa criada em 1856 por Thomas Burberry e seu icônico trench coat, que vestia os mais fantásticos aventureiros exploradores, superou todas e mais algumas expectativas.

Uma plateia VIP foi composta de importantes editores, jornalistas, blogueiros famosos e, claro, muitas celebridades como Kate Beckinsale, Rita Ora, Freida Pinto, Rosie Huntington Whiteley, Victoria Pendleton, e as brasileiras Alinne Moraes e Alice Braga, entre muitos outros, em uma infra-estrutura montada no Kensington Gardens majestosa e fantástica. Não poderíamos esperar por menos.

Hoje, a Burberry cresce a passos largos nos mercados latinos e asiáticos. Somente no Brasil, a marca possui atualmente sete lojas. Mudou o seu foco, tornou-se mais tecnológica, tem uma das páginas mais curtidas e visitadas no facebook, suas vendas online vão muito bem, obrigada, e mostrou para todos que se pode vender luxo pelo computador. Mas, tudo isso não anula a maneira tão única como as pessoas são tratadas, pois, com todo o high tec new power, Bailley faz questão de enviar um e-mail assinado por ele agradecendo a  sua presença no evento.

Um jovem visionário, nascido em 1971, em Yorkshire, Chistopher Bailey é formado pelo  renomado Royal College of Arts em Londres.

Tive o prazer de entrevistá-lo logo após o show, no backstage. Entre alguns poucos goles de água, ele atendeu a inúmeros jornalistas ávidos por saberem um pouco mais sobre a sua coleção com uma deliciosa calma, porém com muita segurança. Um verdadeiro gentleman.

Falamos sobre a moda no Brasil e ele com muita simpatia disse que a sua nova coleção tinha o charme sensual do brasileiro e o romantismo ao mesmo tempo.

A sua coleção foi Intitulada de Trench Kisses, e o desfile iniciou com os primeiros acordes de uma versão acústica de “Happy Together”, interpretada pela cantora Misty Miller.

Bailey reinventou o trench coat com um toque moderno e sexy. As mangas tornaram-se transparentes, com um acabamento glossy em estampas de animal prints.

A coleção possuía um toque artesanal bastante sofisticado e a utilização de vários materiais como a borracha, o látex, metal, couro em misturas inteligentes e equilibradas nas peças do vestuário. No animal print: a vaca, a girafa, o leopardo e a zebra. E as estampas de corações tornaram o romântico mais cool.

Nos acessórios as bolsas clutch cresceram e tornaram-se gostosas de segurar.

Na sua cartela de cores: tons neutros, como bege e caramelo, mas pitadas de vermelho e burgundy.

As saias lápis foram emborrachadas e transparentes e trouxeram por dentro visíveis estampas de corações.

Os looks pretos ganharam um ar ainda mais elegante e sensual com os corações metalizados.

Em meio a modelos bastante simples e retos, os conjuntos e blusas com listras largas.

E quando não poderia se esperar mais nada, o grande final foi revelado com as portas sendo abertas com Tom Odell e seu piano, cercado de um coral elegantemente vestido de trench coats pretos.

Tom faz parte de um projeto pessoal de Bailey chamado Burberry Acoustics. E lançará o  seu primeiro CD em abril de 2013.

Simplesmente inesquecível e  emocionante!

Chistopher Bailey

Imagens: Daniela Burity e reprodução.

Por Daniela Burity, diretamente de Londres.